As novas memórias RAM DDR5 prometem dobrar de velocidade em 2018

Mas com certeza vai demorar mais do que isso para elas estarem no seu PC.

Talvez você tenha atualizado recentemente o seu hardware com uma poderosa DDR4 ou ainda estar utilizando uma DDR3. Em ambos os casos, nada permanece no auge para sempre, nem por muito tempo. A JEDEC, organização responsável pela padronização das memórias RAM, informou que estará testando a próxima geração de memórias, DDR5, ainda esse ano, a partir da segunda metade, para que finalize a produção ainda em 2018.

Memórias RAM

Memórias RAM: cada vez mais rápidas! (Imagem: Daily Motion)

A DDR5 promete dobrar de velocidade e de estabilidade, comparada com a sua antecessora. A organização diz, ainda, que a RAM DDR5 será muito mais eficiente em termos de consumo de energia, embora não tenha entrado em detalhes.

Porém, é importante que saibamos que essa tecnologia vai demorar um pouco para chegar em nossos computadores. Isso porque assim que uma nova memória é lançada, é necessário começar a desenvolver os processadores, placas-mãe e soquetes compatíveis com essa tecnologia, e começar isso do zero demora. Esse período de hiato pode durar, em média, entre dois ou três anos. Portanto, podemos dizer que a DDR5 só irá se tornar mainstream a partir de 2020, no mínimo.

Para se ter ideia, quando a DDR4 foi lançada, em 2012, ficou na gaveta até 2015, quando os desenvolvedores finalmente concluíram a produção do restante do hardware compatível. Ou seja, três anos depois do surgimento da nova tecnologia. E olha que ainda não é muito fácil encontrá-las aqui no Brasil.

O interessante no cenário tecnológico mundial é observarmos um futuro sem memórias RAM. Isso mesmo, a extinção das RAM (assim como aconteceu com o cabo IDE, por exemplo). Pelo que tudo indica, a Intel está trabalhando numa combinação de capacidade, densidade e não-volatilidade de um SSD para substituir as memórias como conhecemos hoje, chamadas de unidades Optane. A primeira geração dessas unidades tem latência dez vezes maior que as RAM atuais.

Se essa tecnologia evoluir a ponto de substituir nosso armazenamento de memória e dados atuais, poderemos unificar a consulta de dados com o despejo de memória em um único dispositivo, modificando completamente o funcionamento dos computadores.

Mas vamos com calma! Por enquanto, vamos apenas aguardar uma memória RAM mais rápida.

Fontes

  • arstechnica.com/gadgets/2017/03/next-generation-ddr5-ram-will-double-the-speed-of-ddr4-in-2018/

© 2017. Rede LAN Soluções em Informática.

 

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s