Você está seguro na Internet?

Veja em Inglês

Dividindo opiniões, alguns dirão que estão perfeitamente seguros com seu anti-vírus, outros mais incertos diriam que ao acessar a Internet seu computador carregará todos os tipos de ameaças.
Na verdade estes dois grupos estão errados, pelo menos não inteiramente corretos, a resposta para a segurança é um tanto complexa, mas envolve conhecimentos básicos que podem ser resolvidos com pequenas atitudes do usuário comum. Veja agora em nosso blog como se proteger das principais ameaças da Internet.
Vírus

Navegando nas nuvens

A nuvem, assim chamada pelos técnicos em telecomunicações, possui algumas falhas, mas muitas vezes exageradas. Veja abaixo alguns fatores que influênciam na segurança das suas informações:

Sistema Operacional Linux ou Windows

Esta é umas das perguntas que muitos usuários se fazem, pois há todo um conceito de que o Linux é mais seguro, embora seja uma verdade, o que mais contribui para que o Linux seja infinitamente mais seguro que o Windows é o tipo de usuário. Enquanto no Linux os usuários conhecem o sistema e suas falhas, por outro lado os usuários do Windows estão mais acostumados a depender de anti-vírus e Firewall e acreditam que somente essa proteção vai impedir que as ameaças “Batam a sua porta”.
Algumas pessoas simplesmente são escravas do windows porque trabalham com ele, ou precisam de algum programa muito específico e não conseguem se adaptar com as alternativas do Linux.
Para estes usuários nós do Rede Lan vamos explicar afinal o que o Firewall e o anti-vírus fazem e como te protegem.

Anti-vírus e Firewall seus verdadeiros objetivos

As pessoas, inclusive alguns técnicos de informática, confundem anti-vírus e firewall, mas eles possuem características e funcionalidades bem diferentes.
O anti-vírus te protege apenas das ameaças locais, alguns possuem apenas um monitoramento básico da navegação na Internet, mas não possuem configurações mais avançadas como bloquear sites indesejados e escolher quais programas podem acessar a Internet, afinal sendo esse o objetivo do Firewall.
O anti-vírus nada mais é do que um banco de dados com alguns códigos maliciosos e quando um programa é executado ele verifica se o código é semelhante com o que esta em seu banco de dados, ou seja enganar um anti-vírus é muito simples, basta disfaçar o código de programação para que este não seja identificado pelo anti vírus. Em defesa dos nossos “guardiões locais” eu posso dizer que atualmente são bem mais inteligentes conseguindo identificar o comportamento do aplicativo para saber se o mesmo esta “mexendo” em coisa que não devia.
Para explicar como um firewall funciona, precisamos antes de mais nada entender o que é um Firewall. Imagine que você está em uma guerra e que os soldados inimigos são os vírus da Internet, nesta batalha épica entre o bem e o mal, nosso bom Firewall é a muralha que impede que os soldados inimigos invadam e mesmo que entrem que não consigam saquear sua vila. Segue uma imagem de como seria esta batalha:

Firewall

Os programas que usamos em nossas máquinas acessam a Internet através de portas nesta muralha, cabe ao usuário configurar corretamente estas portas, cada porta deve possuir regras de acesso para que a entrada e saída de dados se faça de forma segura. O firewall irá agir como um guarda cuidando para que os soldados digam o motivo da entrada e saída do sua vila e verificando se os motivos são pacíficos e honrados.
Clique aqui e veja mais detalhes sobre Firewall

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s