Nova versão do Windows 10 deve ser a grande novidade da Microsoft

Extra-oficial, a nova versão do Windows 10 pode ser a grande novidade do Evento de Lançamento de Primavera da Microsoft, previsto para início de maio.

Windows 10 - Start Menu

Menu Iniciar do Windows 10: já bastante conhecido. (Imagem: KAYF – Arábia Saudita/Reprodução)

E a Microsoft já deve estar se preparando para enviar os convites para a imprensa e alguns outros convidados que devem comparecer ao seu Evento de Lançamento, que acontece em todas as primaveras (do Hemisfério Norte) nos EUA. Esse evento promete trazer como atração principal a nova versão do Windows 10: o Windows Cloud. Continuar lendo

Sistema de Arquivos FAT32

Sistema de Arquivos é o responsável por gerenciar todo o acesso aos dados de uma mídia, podendo ser o HD, o pendrive, o CD-ROM, etc. O Sistema de Arquivos que conheceremos nesse artigo é o FAT32.

FAT32 é um acrônimo para o termo em inglês File Allocation Table, que em tradução livre pode ser entendido como Tabela de Alocação de Arquivos e o número 32 que o precede é a quantidade de bytes para endereçamento, como veremos mais a frente.

Origem do FAT32

O FAT32 é um sistema que começou a ser utilizado por volta de 1994 no primeiro sistema operacional gráfico da Microsoft, o Windows 95. Depois, foi utilizado também pelos seus sucessores Windows 98 (1997) e Windows Millenium Edition (1999). Após essas versões, começou a ser substituído pelo NTFS, mas ainda assim possui compatibilidade com o Windows 2000 (2000) e Windows XP (2002).

O objetivo de criar um sistema de arquivos como o FAT32 foi substituir o sistema FAT16, que utiliza 16 bytes para o endereçamento de dados (ou seja, metade do FAT32), fazendo com que tenha muitas limitações para armazenamento. Isso, obviamente, o tornava obsoleto nos sistemas operacionais do início do milênio. Continuar lendo

Telas OLED x AMOLED x LCD: Você sabe a diferença?

Até algum tempo atrás, o LCD reinava absoluto nas telas de smartphones. Coisa que mudou quando foi desafiado pelo OLED (Organic Light-Emitting Diode), que apresenta muitas vantagens técnicas, entre elas a melhor fidelidade na reprodução de cores, melhor ângulo de visão e consumo elétrico inferior.

Podemos dizer que o princípio de funcionamento das telas OLED é o oposto das telas de LCD. No LCD, a tela trabalha bloqueando seletivamente a luz emitida por LEDs (no caso dos smartphones) ou lâmpadas de catodo frio (no caso dos monitores). Cada ponto da tela é formado por um conjunto de três células de cristal líquido (uma para cada cor primária), que são transparentes em seu estado original, mas ficam opacas ao receber uma carga elétrica, impedindo a passagem de luz.

Smartphones Vivo com telas de AMOLED

Smartphones que utilizam a tecnologia AMOLED: maior fidelidade nas cores e no movimento de imagens. (Imagem: Oled-info.com/Reprodução)

Telas OLED

No OLED, são usados polímeros contendo substâncias orgânicas que brilham ao receber um impulso elétrico. Cada ponto da tela é composto com uma pequena quantidade do material, que, depois de receber os filamentos e outros componentes necessários, se comporta como um pequeno LED, emitindo luz.

Continuar lendo

Reconhecimento facial do Samsung Galaxy S8 já pode ser burlado com facilidade

O recurso de desbloqueio do aparelho mais uma vez é enganado com qualquer coisa que se pareça com o rosto do proprietário.

A Samsung, recentemente, mostrou ao mundo as novidades do Galaxy S8. Além do formato super fino, da tela maior e do inovador e veloz processador Snapdragon 835 (ou Exynos 9), o dispositivo vem com diversas opções de autenticação biométrica. Ele reconhece a impressão digital, a íris e a face do usuário. Depois da primeira exposição mundial do produto ao público, era só questão de tempo até que uma dessas soluções biométricas apresentassem falhas.

S8

(Imagem: AndroidPIT/Reprodução)

Uma das falhas mais toscas é o de reconhecimento facial, que pode ser enganado até com uma simples foto. Pelo menos foi isso o que a usuária do Periscope, Marcianophone, mostrou em seu perfil na rede social. No vídeo que gravou em espanhol, dentro de aproximadamente seis minutos dos 40 que possui, a usuária tira uma selfie com o seu telefone e o aponta para o S8, que logo é desbloqueado. Além disso, a usuário deixa bem claro que é muito fácil repetir o feito.

Continuar lendo

As novas memórias RAM DDR5 prometem dobrar de velocidade em 2018

Mas com certeza vai demorar mais do que isso para elas estarem no seu PC.

Talvez você tenha atualizado recentemente o seu hardware com uma poderosa DDR4 ou ainda estar utilizando uma DDR3. Em ambos os casos, nada permanece no auge para sempre, nem por muito tempo. A JEDEC, organização responsável pela padronização das memórias RAM, informou que estará testando a próxima geração de memórias, DDR5, ainda esse ano, a partir da segunda metade, para que finalize a produção ainda em 2018.

Memórias RAM

Memórias RAM: cada vez mais rápidas! (Imagem: Daily Motion)

A DDR5 promete dobrar de velocidade e de estabilidade, comparada com a sua antecessora. A organização diz, ainda, que a RAM DDR5 será muito mais eficiente em termos de consumo de energia, embora não tenha entrado em detalhes. Continuar lendo

Sniffers de Rede: você já ouviu falar neles?

Se você trabalha com infraestrutura de redes, provavelmente já ouviu falar nos sniffers. Em português, sniffer significa farejar e é exatamente essa a função dessa ferramenta.

PlutoTambém conhecida como analisador de pacotes, o sniffer é uma ferramenta que intercepta e registra o tráfego dos dados na rede de computadores local. Todo o pacote que é transmitido pela rede que está sendo “farejada” é capturado pelo sniffer, que decodifica o conteúdo e o analisa, baseando-se no protocolo definido em um documento RFC (Request For Comment) ou equivalente.

A principal funcionalidade do sniffer é, portanto, gerenciar, monitorar e diagnosticar todo o conteúdo do ambiente corporativo, a fim de mantê-lo mais seguro. Porém, se cair em mãos erradas, o sniffer pode ser usado para capturar senhas, dados pessoais, cópias de arquivos e conversas importantes, etc. Ou seja, o estrago pode ser bem grande. Continuar lendo

Conheça o mais novo console da Nintendo: o Nintendo Switch

O Nintendo Switch é a nova aposta da Nintendo para a 9ª geração de videogames. O lançamento foi feito no início desse mês, no dia 03 de março. O console é inovador porque, diferentemente dos outros de 8ª geração, este é um híbrido entre um console de mesa e um videogame portátil.

ns_logo

O usuário poderá jogar seus games enquanto está fora de casa, no modo portátil, e continuar o seu progresso ao chegar em casa, encaixando o console no dock e alternando para o modo de mesa. Esse recurso – de jogar o mesmo progresso de jogo em plataformas diferentes – já era utilizado pela Microsoft, pela Sony e pela própria Nintendo. Então, até aí nenhuma novidade.

Conforme o site oficial da Nintendo, o console começou custando US$ 299,99 e é composto de uma tela semelhante a um tablet, que poderá ser acoplada ao switch dock. Além disso, dois joysticks que se encaixam entre si acompanham o videogame, podendo estes serem jogados por um (quando conectados) ou por dois jogadores (quando separados). Continuar lendo

Conheça o Opera Neon: um navegador da nova era diferente de qualquer outro!

opera_neon_cover

É até difícil de acreditar que a Opera, que já foi muitas vezes precursora em seus navegadores, está próxima de comemorar o seu 21º aniversário. O freeware iniciou em 1994 apenas como uma aplicação para pesquisas da Telenor, uma companhia de telecomunicações norueguesa, que logo depois se separaria e se transformaria em uma empresa menor.

Pouco tempo depois, o software Opera começou a lançar versões de seu navegador para dispositivos iOS, Android e até mesmo para os consoles da Nintendo – Nintendo DS e Nintendo Wii. Agora, quase duas décadas depois, a companhia virou a página com o Opera Neon, um navegador inovador da nova era.

A Opera considera o Neon como “uma reimaginação radical do que um navegador pode ser”, e não é difícil de ver o porquê. O navegador, que foi lançado no último dia 12, não se parece em nada com Edge, Safari ou Google Chrome. De fato, o que foi mais perceptível nele foi o que não está visível: não há a tradicional barra de tarefas, nem barra de favoritos e sequer menu de opções. O Neon é um navegador minimalista e simples, como todo navegador deveria ser.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Isso é uma mudança discutivelmente benéfica. Quando você executa o Neon, ele se maximiza e preenche seu desktop, misturando-se com o plano de fundo. As suas abas assumem o formato de bolhas de favoritos que ficam em uma barra de abas do lado direito. Enquanto isso, uma função de divisão de tela permite que você visualize duas páginas da web lado a lado de uma forma muito semelhante ao modo de multi-janelas, disponível a partir do Windows 8  e dispositivos móveis da Nokia.

Mas a ideia do Neon vai além do nível gráfico. Há um painel de controle de mídia que insere controles de reprodução e de volume em vídeos de fundo, arquivos de áudio e anúncios, tudo na ponta dos seus dedos. Além do recurso “snap”, que captura imagens das páginas da web.

E as otimizações em baixo nível fazem com que ele seja muito mais rápido. O Neon usa a Opera’s Blink Engine. Os vídeos são reproduzidos em uma janela popup, evitando o problema de ter que gerenciar janelas separadas. E um sistema inteligente gerencia as abas, trazendo para a frente automaticamente as páginas frequentemente usadas e colocando as abas menos usadas para trás.

opera_neon_acessing

As limitações do Neon, porém, ainda podem desanimar os usuários, menos os mais casuais, em torná-lo seu navegador principal – ele não tem suporte às extensões do Chrome e do Firefox, por exemplo. Isso acontece possivelmente porque o  negócio do Neon Opera é ser um “navegador de conceito”. Ele não vai substituir o navegador atual do Opera, mas receberá atualizações e correções juntamente com o Opera, por enquanto.

O Neon é a primeira grande aposta da Opera desde que foi vendida para uma companhia chinesa no ano passado. A aquisição, liderada pela companhia de softwares Qihoo 360, abocanhou o navegador do Opera, o engine, os aplicativos privados e a licença vendidos pela quantia de US $ 600 mi.

Convenhamos dizer que o Opera nunca foi o navegador mais popular do mercado – continha apenas 10% da fatia na última década – mas seus complementos inovadores conseguiram conquistar uma base fiel de fãs. Nele foi introduzido pela primeira vez o Ad-block, um compressor de arquivos e vídeos e foi o primeiro a conter uma VPN embutida, além de que sempre teve o seu foco voltado para o desempenho.

O Neon poderá ser um sucesso assim que os recursos que estão em desenvolvimento forem concluídos. “[Alguns] dos recursos [do Neon] são esperados para serem adicionados ao Opera ainda nesse verão,” foi o que a companhia responsável escreveu em seu blog .

E você, também vai usar o Neon?

Fontes

  • digitaltrends.com/web/opera-neon-reimagines-webbrowsing/
  • cdn.makeuseof.com/wp-content/uploads/2017/01/opera-neon-web-browser-670×335.jpg?180b61
  • cdn0.vox-cdn.com/thumbor/feoV6mxoNnVwqiWoRRupUC-gGRo=/0x15:2413×1372/1600×900/cdn0.vox-cdn.com/uploads/chorus_image/image/52718757/operaneon.0.png
  • www-static-blogs.operacdn.com/multi/wp-content/uploads/sites/3/2017/01/neon-operacom-laptop-player-@2x.png
  • tecnoblog.net/wp-content/uploads/2017/01/neon1-700×374.png

Todos os direitos reservados a Rede LAN Soluções em Informática. Proibida a cópia ou reprodução total ou parcial sem a devida autorização. © 2017.

A origem do Linux

tux_papel_de_parede

Linux já é um termo bem conhecido nos dias de hoje, não é verdade? Mas nem sempre foi assim. A sua popularidade se deu graças aos esforços de grandes programadores que adotaram o conceito de software livre que, aliás, é outro termo que você já deve ter ouvido.

O Linux é um jovem garoto, com pai e avô, e ainda está amadurecendo, ainda tem muito a aprender. O seu pai, o falecido Unix, foi originado do grande (nem tão grande assim, vamos combinar) Minix.

E nesse momento, talvez surjam dúvidas em sua cabeça, como:

  • Quem criou o Linux?
  • Como ele surgiu?
  • Qual a sua finalidade original?
  • Será que o Linux começou da mesma forma que o Windows?

Acalme-se! Todas essas perguntas existenciais serão respondidas no artigo de hoje.

Mas, antes de começarmos a entender o que significa Linux, precisamos apresentá-lo pelo nome completo: GNU/Linux. Isso mesmo! Quando falamos de GNU/Linux, estamos falando do sistema operacional e quando falamos de Linux, estamos nos referindo apenas ao núcleo (também conhecido como kernel) do sistema operacional, mas isso você vai entender mais adiante.

Boa leitura! Continuar lendo

Fontes de Computadores

fonte_atx

As fontes de alimentação são as responsáveis por distribuir energia elétrica a todos os componentes do computador. Por isso, uma fonte de qualidade é essencial para manter o bom funcionamento do equipamento.

Essencialmente, as fontes de alimentação são equipamentos responsáveis por fornecer energia aos dispositivos do computador, convertendo corrente alternada em corrente contínua, que é a tensão apropriada para uso em aparelhos eletrônicos.

Nos computadores, usa-se um tipo de fonte conhecido como “Fonte chaveada”. Trata-se de um padrão que faz uso de capacitores e indutores no processo de conversão de energia. A vantagem disso é  que há menos geração de calor, já que um mecanismo da fonte simplesmente desativa o fluxo de energia ao invés de dissipar um possível excesso. Além disso, há menor consumo, pois a fonte consegue utilizar praticamente toda a energia que “entra” no dispositivo.

Por se tratar de um equipamento que gera campo eletromagnético (já que é capaz de trabalhar com frequências altas), as fontes chaveadas devem ser blindadas para evitar interferência em outros aparelhos e no próprio computador. Continuar lendo